Páginas

terça-feira, 19 de abril de 2011

Eu, Tu e algo mais ! [ Parte 3 , inventada ]

Eram 21h e Catarina já se encontrava a caminho do bar da praia, e sentia cada vez mais borboletas na sua barriga, o que a deixava a pensar se seria só amizade que sentia por David.
Finalmente chega ao bar da Praia e vê que este se encontra com bastantes jovens da sua idade, mas decide entrar pois sabe que David esta a sua espera.
Catarina entra e quando se dirige ao balcão David corre na sua direcção e abraça-a dizendo:

D – estava a ver que nunca mais chegavas princesa, senti tantas saudades tuas!
C – e eu tuas, mas já cá estou e não tenciono deixar-te tão cedo – responde Catarina sorrindo. 

David puxa-a para uma mesa onde já se encontravam alguns dos seus amigos, Catarina deixa-se levar apesar de se sentir intimidada por não conhecer ninguém. Mal chegam a mesa, David senta-se e apresenta Catarina aos seus amigos, Catarina cumprimenta-os e dirige-se para perto de David que logo a puxa para o seu colo, ao que Catarina diz :

C – com que então sou tua amiga – dando um ar de brincadeira
D – és minha amiga, uma amiga bastante especial – responde David dando-lhe um beijo na bochecha.

David e Catarina passaram a noite toda a dançar, conversar, a rir, a brincarem um com o outro. As horas foram passando e eram 7h da manhã quando David convida Catarina para irem até a praia. 

 [ já sentados na areia ] 

D – olha Cat tenho uma coisa para te confessar …
C – o que? – Responde ansiosa!
D – prometes que não me deixas aqui sozinho?
C – não era capaz de o fazer seu tonto! Mas vá diz lá …
D – sei que nos começamos a conhecer a pouco tempo, mas sinto que gosto de ti não só como amiga…
C – sabes? Sinto precisamente o mesmo, sinto que tu é que me fazes feliz, estou bem ao teu lado …
D – não sei porque mas estou a apaixonar-me cada vez mais por ti, miúda – diz sorrindo
C – e eu por ti meu puto
D – teu? Isso quer dizer que aceitas namorar comigo?
C – se isso é uma pergunta, eu aceito – responde corada.
Dito isto, os dois beijam-se apaixonadamente. Catarina olha para o relógio e diz para David:
C – já tenho uma certa fome!
D – vamos tomar o pequeno-almoço amor?
C – vamos – responde dando-lhe a mão
D – e olha, almoças comigo?
C – claro tonto, faço questão de não te largar !
D – nem eu deixo, agora que te tenho, não te posso perder! – responde David abraçando-a

[ o que estão a achar da história? $: ]

33 comentários:

  1. Estou a amar e sigo querida , escreves mesmo bem :)

    ResponderEliminar
  2. Claro que tenho , ahh e quero mais :o

    ResponderEliminar
  3. de nada minha querida (:
    escreves mesmo bem *.*

    ResponderEliminar
  4. pois, eu também acredito nisso xD

    ResponderEliminar
  5. está a ficar bué romântica *.*

    já agora, não uso muito aquele blog. Agora uso mais o "Everybody Hurts" ;p

    Estou curiosa por saber o que vai acontecer na proxima parte *.*

    ResponderEliminar
  6. a serio que gostaste do final da historia ? :$

    ResponderEliminar
  7. estou a gostar tanto da história *-*
    fico anciosa para mais :b

    ResponderEliminar
  8. continua querida, estou a gostar *-*

    ResponderEliminar
  9. Oh obrigada fofinha :$
    E eu quero mais da tua :D

    ResponderEliminar
  10. De preferência o mais rápido possível :p

    ResponderEliminar
  11. Juro que estou a AMAR a história querida <3

    ResponderEliminar

Exprime-te (: